ANEWS Política

Araraquara usa novas tecnologias na guerra contra a dengue

Inseticida e larvicida contra o mosquito...

 

 

A Prefeitura está utilizando novas tecnologias no combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue. Neste sábado (23), a Vigilância Epidemiológica utilizou um drone para aplicar inseticida e larvicida em uma área abandonada na região da Vila Xavier.
O espaço, onde ficava a antiga fábrica da Cargill, entre a Vila Santa Maria e a Vila Renata, é conhecido como “cemitério de vagões”, já que várias composições ferroviárias estão abandonadas no local. Com a chuva, os vagões acumulam água e se transformam em criadouros do mosquito da dengue.
“A Prefeitura está buscando novas alternativas no combate à dengue. Estamos fazendo uma ação com um drone que aplica o ‘fumacê’ e larvicida em locais de difícil acesso. Com o drone, a gente consegue alcançar esses lugares. O equipamento serve para combater o mosquito adulto e as larvas”, explica o coordenador de Vigilâncias em Saúde, Rodrigo Ramos, que acompanhou a ação.
A utilização do drone é uma inovação no combate à dengue. A Prefeitura irá analisar os resultados da ação deste sábado e, dependendo da eficiência, um contrato com a empresa responsável pelo equipamento será feito até o final da atual epidemia. Até o momento, são 3.824 casos de dengue confirmados em Araraquara, com quatro mortes em decorrência da doença.
Além do ‘fumacê’, a Prefeitura também realiza mutirões de limpeza de materiais inservíveis nos bairros e intensificou a fiscalização contra o descarte irregular de lixo e entulho em terrenos públicos e privados, com endurecimento das multas e orientação a moradores sobre os problemas causados pelo descarte ilegal.
A ação deste sábado também foi acompanhada pela coordenadora de Gestão da Secretaria de Saúde, Joice Nogueira, e pelo gerente de Controle de Vetores, Luís Eduardo Tagliacozzo.

Redação

SAIBA MAIS.:  Melhores momentos - Corinthians 2 x 0 Chapecoense - Copa do Brasil

0 comentário em “Araraquara usa novas tecnologias na guerra contra a dengue

Deixe um comentário