Educação

CDMF recebe representante da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo

Reunião discutiu parcerias para desenvolvimento de aplicativos educacionais

Reunião discutiu parcerias para desenvolvimento de aplicativos educacionais

O Centro de Desenvolvimento de Materiais Funcionais (CDMF) recebeu, na última terça-feira (9/4), a visita de Fabrícia Gomes Nieri, Gestora do Programa Método de Melhoria de Resultados (MMR) da Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. Acompanhada pela Dirigente Regional de Ensino de São Carlos, Débora Gonzalez Costa Blanco, Nieri participou de reunião com Elson Longo, Diretor do CDMF, e Marcelo Petrucelli, da Aptor Software, na qual foram apresentados os jogos e outros materiais educativos digitais desenvolvidos pelo projeto Ludo Educativo.


Elson Longo, Fabrícia Gomes Nieri e Débora Gonzalez Costa Blanco

Elson Longo conta que um dos destaques foi a apresentação de um novo aplicativo, já operacional, que permitirá a realização de avaliações em sala de aula utilizando como suporte dispositivos como celulares e tablets. “Uma das principais missões do nosso Centro é apoiar a difusão do conhecimento e colaborar no desenvolvimento de práticas inovadoras para a Educação. Daí surge a ideia de utilizar a expertise do Ludo Educativo para a resolução de um problema que nos foi apontado pela Dirigente Regional de Ensino”, explica o Diretor.

SAIBA MAIS.:  ProUni divulga hoje resultado da lista de espera

A Dirigente Regional, Débora Blanco, explica que, apenas na região de São Carlos, são utilizadas centenas de milhares de folhas de papel anualmente para a realização das avaliações. “Se multiplicarmos esses números por toda a rede, serão milhões de folhas anualmente, gerando um enorme impacto ambiental na produção e posterior descarte desse papel”, comenta. “Além disso, também é importante pensar na economia que a realização das avaliações por meio digital vai gerar”, conclui.

SAIBA MAIS.:  Plano do MEC 'não resolve problema a curto prazo', afirma especialista

Para Nieri, o aplicativo é uma inovação importante, uma vez que, além das questões ambientais e econômicas, facilitará o dia a dia tanto dos docentes e alunos, quanto dos próprios gestores. “Nós teremos resultados e informações em tempo real, facilitando o planejamento e a gestão de toda a nossa rede”, conclui.

Foto: CDMF/Divulgação

x