Com 307 votos, Câmara derrota governo e convoca ministro da Educação a falar sobre cortes

x