Educação

Crianças plantam árvores em homenagem às vítimas do trânsito

O evento foi realizado no CEC Aléscio Gonçalves dos Santos

A Coordenadoria Executiva de Mobilidade Urbana realizou, na manhã desta quarta-feira (14), a plantação de árvores frutíferas com os alunos do Centro de Educação Complementar (CEC) “Aléscio Gonçalves dos Santos”, localizado no Jardim Pinheiros. O evento marcou o Dia em Memória às Vítimas de Trânsito.

A iniciativa do plantio de mudas em praças ou locais de escolha do município é do Detran e do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito, programa criado em 2015 pelo governo do Estado de São Paulo com o objetivo de criar políticas públicas para reduzir o número de vítimas de acidentes de trânsito.

SAIBA MAIS.:  Palestra com ex-participante do Masterchef Brasil

Os alunos do CEC ajudaram na plantação de um pé de amora e outro de lichia, na própria escola, e também assistiram a uma pequena palestra com a pedagoga de Prefeitura, Dolores Soares, que explicou o evento.

“É muito importante respeitarem a velocidade, as sinalizações de trânsito, atravessar na faixa de pedestres e, principalmente, usar o cinto de segurança. Seguindo essas simples regrinhas, vocês poderão evitar um acidente de trânsito”, explicou Dolores Soares.

SAIBA MAIS.:  XVII Semana de Psicologia da Uniara começa nesta segunda, dia 17

Somente no Estado de São Paulo, mais de cinco mil pessoas morrem anualmente, vítimas do trânsito.

O Coordenador Executivo de Mobilidade Urbana, Nilson Carneiro, destacou que, através da Coordenadoria, a Prefeitura tem trabalhado muito para conseguir reduzir o número de acidentes no município.

“No ano passado, 2017, nós reduzimos em 53% o número de óbitos. Foram 30 mortes em 2016 e 14 em 2017. Então, estamos perseguindo naturalmente o índice de número 0 de óbitos na cidade. De todo modo, já foi um resultado bastante significativo”, avalia Carneiro.

x