Corrida

Fundista da Fundesport enumera série de conquistas

Conquistas

Em 2018, Milena Andrade, de 23 anos, foi ouro nos Jogos Abertos e nos Regionais, além de obter outros grandes resultados por Araraquara

Já pensando nos novos desafios desta temporada, a atleta da Fundesport, Milena Mara Andrade, que neste mês completa  23 anos de idade, considera o ano de 2018 como um dos mais importantes de sua carreira de fundista.

Nascida em Guaíra (próximo a Barretos), e contando com o apoio incondicional da mãe, Neuza Gonçalves, e de um casal de amigos (Luís e Sueli) com quem mora em Araraquara, Milena tentou a sorte no futebol antes de passar à condição de atleta de corridas de média e grande distâncias.

Cursando o 4º ano de Educação Física na Unip Araraquara, Milena contabiliza os grandes resultados conquistados em 2018, embora ao longo da carreira já tenha acumulado uma série de disputas e conquistas.

Entre os mais importantes no ano passado estão o 1º lugar nos 10 mil metros dos Jogos Abertos do Interior de São Carlos, em dezembro, o que lhe garantiu a medalha de ouro. Nessa mesma competição, obteve o 3º lugar (e a medalha de bronze) na prova dos 5 mil metros.

Vale destacar que em setembro de 2018, como única atleta da Fundesport a participar pela primeira vez do concorrido Troféu Brasil, em Bragança Paulista, Milena conquistou o 11º lugar, mesmo disputando com as 15 melhores atletas do País em sua categoria.

A participação em Bragança fora garantida um mês antes (em agosto) durante a seletiva de São Bernardo do Campo, quando também obteve o 1º lugar nos 10.000 metros e o índice para os Jogos Abertos.

Ainda no ano passado, Milena Andrade também foi ouro nos Jogos Regionais de Matão, em julho, na prova dos 10.000m, e vice-campeã nos 5.000m, além de obter 1º lugar no Circuito Caixa de Corridas de Ribeirão Preto, em setembro. 

E para encerrar a temporada, ainda conquistou o 3º lugar na classificação geral na 39ª edição da Corrida Santo Onofre, disputado em 31 de dezembro nas ruas de Araraquara.

Talento jovem

Para o treinador da atleta, Hilário Francisco de Souza, ela representa uma renovação no esporte de Araraquara, porque, com apenas 23 anos, já é destaque na cidade em função desses resultados.

“A minha perspectiva é que num futuro bem próximo, Milena obtenha resultados ainda melhores, apesar de ser uma atleta ainda jovem e o ápice dessas provas de resistência serem atingidos aos 30 ou 32 anos, em média. Vamostrabalhar para que ela continue crescendo gradativamente e obtenha outros bons resultados na hora certa”, afirma Hilário.

Ainda segundo o treinador, agora em 2019 a meta é melhorar ainda mais os tempos da atleta da Fundesport, para aproximá-la dos melhores corredores do Brasil.

“Mas tudo com muita calma, dando um passo a cada ano, já que a exigência é muito grande e o nível de competição é muito forte”, ressalta.

Novos desafios

Atualmente de férias, Milena diz acreditar que na temporada 2019 os desafios devem ser praticamente os mesmos do ano passado.

Por isso, em breve retomará a série de treinamentos, de cerca de três horas diárias, de manhã, além de duas horas no período da tarde, com direito a um dia de folga na semana.

Além das competições locais, regionais, estaduais e também nacionais, a fundista da Fundesport também projeta participar de provas internacionais este ano.

Milena Mara Andrade conta com apoios das empresas World Game e Biofarma e da nutricionista Larissa Conte.

x