Acidente Região

Mulher de 34 anos morre atropelada na Anhanguera

Tragédia na região

O corpo da ibateense Juliana Melo, de 34 anos, foi encontrado totalmente desmembrado, na rodovia Anhanguera (SP-330), em Pirassununga (SP).

 

Segundo as primeiras informações, ela teria sido vítima de vários atropelamentos e teve o corpo 80% dilacerado, ficando quase irreconhecível. Juliana foi identificada por um irmão que mora em Ibaté. Ainda não se sabe o motivo e nem as causas da morte, que deverão ser investigadas pela polícia daquela cidade.

 

Juliana Melo era natural de Ibaté, mas residia em Pirassununga e tinha três filhos.

 

O corpo de Juliana, que se encontra no Instituto Médico Legal de Limeira, será transladado para o Velório Municipal e sepultado no Cemitério Municipal de Ibaté. Ela era natural de Ibaté, mas, residia em Pirassununga. Deixou três filhos.

SAIBA MAIS.:  Acidente deixa um morto e um ferido em Rodovia na região

 

O acidente

 

O portal Região em Destake apurou que por volta das 2h30 da madrugada desta quarta-feira, 7, policiais rodoviários encontraram partes do corpo da vítima, na altura do km 218 mais 750 metros, sentido norte.

 

O cabo Ésper, que apresentou a ocorrência no Plantão da Polícia Judiciária de Pirassununga, relatou que, juntamente com outros policiais, efetuou uma varredura pelas imediações para encontrar a cabeça da vítima, bem como, outras partes, porém, não logrou êxito. Eles encontraram somente um celular da marca LG, de cor preta, que foi apreendido e periciado.

SAIBA MAIS.:  São Carlos | Bandido é flagrado instalando “chupa-cabras” em agência bancária

 

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Limeira (SP).

 

São Carlos Agora