Sem categoria

Parque dos Trilhos terá rotatória ligando Vila Xavier a Fonte

Projetos Parque dos Trilhos

Quem olha hoje para o espaço em desnível entre o cruzamento da Avenida Vamberto Nogueira com a Rua Princesa Isabel, na Vila Xavier, e o pátio da Rumo Logística, na Avenida Maria Antônio Camargo de Oliveira, a via Expressa, vê apenas uma área tomada pelo mato alto, uma cerca e, abaixo, os trilhos da antiga Estrada de Ferro. Mas o vereador Elias Chediek (MDB) – idealizador dos projetos Parque dos Trilhos e Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) – vê muito mais. “Aqui poderemos ter uma rotatória, ligando diretamente a Vila Xavier à Fonte, passando por uma estação do VLT”, visualiza.

Na tarde de quinta-feira (22), o parlamentar esteve na região para coletar dados para os projetos. A ideia é que a Avenida Vamberto Nogueira se estenda até a Alameda Rogério Pinto Ferraz, facilitando o acesso entre as duas regiões. A via contornará a rotunda, os tanques e o lago do pátio. “Tudo será mantido, pois a ideia é preservar a memória e, ao mesmo tempo, modernizar a cidade”, explica Chediek. O projeto prevê a construção de uma estação do VLT na área, com integração de ônibus municipal e passarela para pedestres. “Imagine poder deixar o carro em casa, pegar o VLT e ir a pé assistir a um jogo da Ferroviária no estádio?”, vislumbra.

O vereador preside a Comissão Especial de Estudos (CEE) Parque dos Trilhos, que analisará os dados, a fim de aprimorar o projeto. “Com as informações organizadas, poderemos propor a construção do dispositivo viário assim que a Rumo transferir as oficinas de manutenção para a estação de Tutoia”, adianta.

Sobre o Parque dos Trilhos

O projeto tem como principal objetivo requalificar a área atualmente ocupada pelo trecho da via férrea, pátio de manobras e manutenção a serem desativados, integrando a mesma ao tecido urbano da cidade e às áreas de fundo de vale do Córrego do Ouro e Pinheirinho, por meio da formação de um anel verde de aproximadamente 15 km de extensão, que proporcionará a continuidade e complementaridade dos serviços públicos, dos sistemas naturais e de lazer.

Além da preservação e recuperação das áreas de proteção ambiental, o projeto possibilitará a ampliação de espaços livres de uso público voltados a lazer, cultura, contemplação, turismo e prática de esportes, além de proporcionar melhorias no sistema de drenagem e na mobilidade urbana através de novas ligações com a Vila Xavier, implantação de ciclovias e do Veículo Leve sobre Trilhos – VLT.