Política

Prazo para adesão ao Refis é prorrogado para 25 de janeiro

Desconto dos juros e da multa de mora é de 100% para o contribuinte que decidir pelo pagamento do débito à vista

Desconto dos juros e da multa de mora é de 100% para o contribuinte que decidir pelo pagamento do débito à vista

A Prefeitura prorrogou para o dia 25 de janeiro o prazo final para o contribuinte regularizar seus débitos com a Prefeitura em taxas municipais e impostos, como IPTU e ISSQN (Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza), relativos ao ano de 2018 e anos anteriores, por meio do Refis – Programa de Recuperação Fiscal.

O prazo para o Refis 2 terminaria nesta sexta-feira, dia 11. Por conta da demanda, a Secretaria Municipal de Gestão e Finanças decidiu prorrogá-lo.

SAIBA MAIS.:  CCJ da Câmara pode votar parecer da reforma da Previdência no dia 3

O contribuinte que decidir pagar à vista tem desconto de 100% dos juros e da multa de mora sobre o valor principal da dívida. O desconto cai para 80% dos juros e multa em duas parcelas; para 60% dos juros e multa em três parcelas; e 40% dos juros e multa em quatro parcelas. Em todos esses casos, a correção monetária será mantida.

A adesão ao Refis pode ser feita no próprio Paço Municipal (Rua São Bento, 840, centro), na Subprefeitura (Avenida Francisco Vaz Filho, 2049, Vila Xavier) ou na Subprocuradoria Geral Fiscal e Tributária (Rua dos Libaneses, 1969, em frente ao Fórum). O horário de atendimento é das 09h30 às 16h30.

SAIBA MAIS.:  Caçambeiros, vereadores e prefeito se reúnem para tratar de projeto de combate à dengue

Remissão

A Prefeitura informa ainda que o pedido de isenção de pagamento de tributos por doentes com câncer ou inseridos no Cadastro Único do Governo Federal (alta vulnerabilidade social), pode ser feito em qualquer período do ano.