Noticias Sem categoria

Sessão foi marcada por “Oscar e Abelhas”

A sessão da Câmara desta terça-feira (16), além dos projetos...

Do Mel hoje

A sessão da Câmara desta terça-feira (16), além dos projetos aprovados contou também com defesas veementes ao vereador Toninho do Mel (PT),  que foi alvo de ataques pelas redes sociais, na semana passada por trocar “obstetra” por “abstetra”.  Toninho teve seu vídeo do pequeno expediente viralizado tanto pelo Whatsaap como Facebook.

Um outro vídeo ainda, que foi construído a partir da fala do edil, também circulou afirmando que ele envergonhava a cidade. Este vídeo vem sendo atribuído pelo Partido dos Trabalhadores a um grupo político que não quer a presença de Toninho na Câmara, inclusive dizem que o custo desse material seria em torno de R$ 3 mil reais. Vale ressaltar, que o vídeo foi feito por dois jornalistas, que tiveram até mesmo seus nomes, divulgado pela imprensa e com assinatura. Portanto não caberia, nem faz sentido colocar como perseguição política da elite, já que tem autoria e endereço, mas enfim. Toninho foi desrespeitado em seu modo simples de falar e de agir, mas sua resposta foi clara aos que fizeram seu linchamento virtual e se mostrou acima dessas pequenezas.
“Falar errado não é crime, fazer errado sim. Estou sendo alvo de perseguição, mas não baixarei a cabeça, porque entrei nesta Casa pela porta da frente, o preconceito é coisa triste, mas tudo isso é apenas uma tempestade, vai passar. Não sou eu quem tenho que me envergonhar e sim o grupo político que fez os ataques” – afirmou Do Mel, que foi aplaudido e cumprimentado por todos que assistiam a sessão. Ao final  Toninho sai fortalecido diante dos achaques a qual foi vítima, pois, não se deve tripudiar de ninguém, principalmente quando esse alguém teve quase 2 mil votos e representa boa parte da população. Respeito é bom e não alvoroça abelhas.

SAIBA MAIS.:  Alteração de zoneamento na região Noroeste é tema de Audiência Pública

Oscar Rafael

Não é novidade para ninguém que o clima entre os vereadores Rafael de Angeli (PSDB) e Thainara Faria (PT), não é dos melhores. Comentários que a vereadora fez na semana passada a respeito da bancada tucana e do próprio edil, renderam até mesmo um Oscar.

Thainara perguntou na semana passada do porque que a bancada do PSDB foi até o dengário juntos, Rafael respondeu que são unidos e fazem até mesmo projetos juntos, e que caso ela estivesse incomodada, porque não comentou a respeito, quando no ano passado sete vereadores se juntaram para caçar escorpião no Parque Infantil.

SAIBA MAIS.:  Pastor João Francisco Santos Cruz recebe Título de Cidadão Araraquarense na Câmara Municipal (com vídeo)

A vereadora reclamou também de um vereador do PSDB, colocar no pequeno expediente assuntos que não competem à sessão, e como resposta levou um “melhor ler o regimento interno”, pois lá está explicito que podemos falar do que quisermos, até mesmo sobre um encontro com o Papa”.

Como Thainara disse que  De Angeli, vem transformando o púlpito da Câmara em palco de teatro, o edil então rebateu que ela foi para os Estados Unidos e trouxe a ele um “Oscar”, que logo ele preferiu entregar a homenagem a epidemia de dengue, aliado ao bom e velho repelente. The oscar goes to dengue.

Após a sessão já corria pelos corredores que Thainara pretende levar Rafael ao conselho de ética da Casa. Agora só nos resta, aguardar cenas dos próximos capítulos protagonizados pela dupla que vem esquentando o tempo na Casa de leis.

0 comentário em “Sessão foi marcada por “Oscar e Abelhas”

Deixe um comentário

x