Prefeitura começa obras para correção do solo no Residencial dos Oitis
Home / Últimas Notícias / Facebook / Anews / Prefeitura começa obras para correção do solo no Residencial dos Oitis

Prefeitura começa obras para correção do solo no Residencial dos Oitis

1A Prefeitura iniciou obras para conter infiltração e afundamento do solo em alguns blocos de apartamentos do Residencial dos Oitis, no Jardim Iguatemi, nesta sexta-feira (13).

O prefeito Edinho esteve no local e comunicou que a responsabilidade pelo condomínio é da Caixa Econômica Federal e da empresa que construiu o residencial, inaugurado em 2011. Porém, diante da demora em uma resposta, a Prefeitura resolveu iniciar os trabalhos.

“Foi detectado um problema de infiltração nos prédios do Oitis. Trouxemos os engenheiros da Prefeitura, funcionários da Habitação, chamamos a Caixa, a empresa que realizou as obras. A rigor, esse não é um problema da Prefeitura, pois a responsabilidade é da Caixa, mas nenhuma medida foi tomada e estamos corrigindo esse erro”, afirma o prefeito.

“A infiltração tem provocado deslocamento de terra, deixando à mostra a estrutura dos prédios. Os moradores desse condomínio não têm responsabilidade sobre o que foi feito no passado. Eles têm direito a uma moradia digna. Esse é mais um dos diversos erros que foram cometidos no passado e que estamos trabalhando para corrigir”, declara Edinho.

Segundo o secretário de Obras e Serviços Públicos, João Bernal, o serviço deve ser realizado em até 15 dias. “Na parte baixa, onde houve aterro, está ocorrendo adensamento do solo e recalque (rebaixamento). Na minha visão, o solo não foi devidamente compactado. Agora, estamos recompondo o solo onde houve a erosão”, explica o engenheiro.

Edinho lembra que o Oitis recebe atenção do governo desde o primeiro dia, com a implantação de projetos sociais, melhoria da iluminação (pelo programa “Ilumina Araraquara”), limpeza, retirada do alambrado e a abertura de uma rua lateral para que carteiros, coleta de lixo e outros serviços públicos tenham acesso aos blocos.

“É um local onde demos atenção especial, por entendermos que a situação de abandono que essa população viva era inaceitável. São 256 famílias vivendo aqui”, resume o prefeito.

.
x

Check Also

Guerreiras Grenás vencem na estreia do Campeonato Brasileiro

.